g.e. Glória

Notícias

Entrevista com Volante Márcio

07/01/2012

Entrevista com Volante Márcio A assessoria de imprensa do Glória começa nessa semana entrevistar jogadores que jogarão pelo Leão em 2012, o primeiro é o volante Márcio.


Assessoria Glória - No ano passado, a equipe quase chegou ao acesso, faltou o quê?
Márcio - Na minha opinião faltaram peças para repor, porque passamos por vários jogos, na fase final, com principais jogadores lesionados.

AG - O time demonstrou muita raça, união e amizade, deixando uma boa impressão, você sente falta?
M - Sim, sinto falta da união que tinha entre nós, jogadores, foi através da amizade que conseguimos superar muitas dificuldades, acho que isso foi um dos motivos de termos quase atingido o acesso.

AG - Falando em 2012, a fórmula mudou, agora são 10 times em cada chave, sendo que desses 10, três caem. Dá um frio na barriga pensar em rebaixamento?
M - Acho que o Glória não pode pensar nisso, tem que pensar em classificar. O clube tem muita tradição no Rio Grande do Sul e temos que almejar o que não conseguimos ano passado. Sei que esse ano algumas coisas mudaram e muita gente aposta, diferentemente do ano passado, que subiremos.

AG - O plantel montado para esse ano é mais experiente, foram contratados pela direção, jogador mais "calejados ", isso dá uma maior esperança?
M - Com certeza, ano passado tivemos muitos jogadores jovens enfrentando jogos muito difíceis, aonde precisávamos mais de experiência do que juventude, ao saber que esse ano será diferente fiquei tranquilo, porque o grupo terá vários jogadores acostumados com a peleia que é esse campeonato.

AG - Já trabalhou com Tonho Gil?
M - Não trabalhei, nem joguei contra, mas ouvi falarem muito bem dele em Santa Catarina.

AG - Você foi um dos jogadores mais importantes do time do ano passado, criou uma identificação com o clube e apesar de receber outras propostas resolveu voltar, realmente pesou esse carinho pelo Glória?
M - Sim, eu saí de Vacaria infeliz, porque faltou muito pouco para ter conseguido o objetivo, ficou aquele gostinho de quero mais e, apesar de outras propostas, pesou eu conhecer bem a diretoria do Glória e o pessoal que está por trás de tudo, não quis me arriscar em jogar em alguns estados desconhecidos e acabar ficando apagado. Sei que esse ano fazendo um campeonato parecido com do ano passado terei mais oportunidades aí no estado mesmo.

AG - Muita expectativa para o começo da temporada?
M - Estou muito ansioso para que comece tudo novamente, chegar aí e começar a pensar na estreia já.

AG - Numa chave equilibrada como é a do Leão, vencer em casa é fundamental, o apoio do torcedor é muito importante, e mexe com o time realmente?
M - Olha, faz diferença sim, ano passado a torcida nos surpreendeu, espero que esse ano seja melhor ainda e, os jogos em casa serão obrigação nossa vitória para trazer a torcida para o nosso lado. Desde já peço que o torcedor compareça ao Altos da Glória, para apoiar, pois para quem estar lá dentro ouvir a torcida gritando faz diferença, é como fosse mais um jogador em campo.

AG - Para finalizar, uma mensagem ao torcedor do Glória.
M - Com certeza sei que não vai ser só de mim, mas de todos no elenco a entrega total para poder colocar o Glória no lugar dele, daonde nunca poderia ter saído, que é a primeira divisão.


O Glória estreia na Divisão Intermediária no dia 4 de Março, contra a Sapucaiense, em Vacaria.


Siga o Glória no twitter: @gloriadevacaria

Crédito: Gabriel Dutra - Assessor de Comunicação G.E.Glória

Voltar


© Grêmio Esportivo Glória
desenvolvimento 6i